O QUE NÃO TE CONTARAM SOBRE A MÁSCARA FACIAL

Acerca da imposição absurda das máscaras depois de casa roubada.
Li este artigo através de um amigo professor, investigador.

PARA REFLECTIR

Assim caminha a nossa civilização:

Quero compartilhar algumas razões pelas quais eles [os globalistas] estão exigindo que usemos as máscaras e porque, isto é, uma ideia terrível.

  1. O uso de máscaras cirúrgicas ou máscaras de qualquer tipo pressupõe, ‘dentro da mente humana’, que existe uma ameaça externa. As pessoas se sentem ameaçadas por alguma força invisível e sem nome deram-lhe o nome de coronavirus, pois dizem parecer-se com uma coroa) que cria dentro delas um sentimento de terror. O ‘outro estranho mascarado’ assume uma aparência ameaçadora e agourenta que faz com que alguém se afaste instintivamente dele, a fim de evitar o ‘monstro que pode estar à espreita’. As massas (povo) caminhando atrás de máscaras incute na mente das pessoas a IDEIA de que algo está terrivelmente errado com a humanidade e com a própria vida. Incutem nas nossas mentes, de maneira subliminar, que estamos de alguma forma contaminados e virulentos para a vida em geral. Sugere inconscientemente que estamos danificados interiormente, que estamos doentes, o que não é verdade.
  1. Ao usar máscaras, estamos a esgotar a ingestão de oxigénio vital. As máscaras firmemente tecidas são as piores, pois evitam respirar facilmente, especialmente após a realização de algum esforço. As máscaras devem ser respiráveis e usadas por motivos temporários e intervalos curtos. O oxigénio é a fonte de alimento mais importante e vital que podemos absorver. O oxigénio é fundamental para todos os sistemas do nosso corpo e, com o esgotamento do ar vital, o nosso corpo torna-se ineficiente e rapidamente adoecemos. E, em instantes, os nossos corpos, privados de ar, anseiam ou têm fome de oxigénio, ofegando por ele, lutando para respirar, a fim de sobreviver. Sem ele, não podemos resistir mais do que alguns minutos, facto este que torna o oxigénio muito mais importante do que a comida e a água. Por isso, se insistirmos em usar máscaras, iremos respirar o nosso próprio CO2 tóxico, e iremos-nos negar a inalar o oxigénio vital, fundamental para a saúde das nossas células. Considerando que estamos sendo envenenados por muita outra coisa sem ser pelo coronavirus (inimigo invisível) deixar de respirar o oxigénio presente no ambiente, irá provocar inúmeras doenças respiratórias. Além disso, o fígado, os rins, o coração, os pulmões, o pâncreas, o cérebro, os sistemas imunológicos e nervosos, entre outros órgãos, ficarão todos comprometidos podendo nos levar à morte. Portanto, as máscaras não são destinadas a proteger-nos do vírus. Na verdade, as máscaras destinam-se a esgotar os nossos níveis de oxigénio, ajudando a sufocar os nossos corpos até ficarmos doentes e, logo depois, morrermos.
  1. As máscaras estão saturadas de produtos químicos tóxicos. Para fazer as máscaras são usados materiais oriundos de fibras, que são embebidas em produtos químicos muito tóxicos, bem como metais pesados.
  1. O distanciamento social está sendo incentivado e controlado, não apenas para facilitar o reconhecimento facial, mas, também, para provocar a separação psicológica da humanidade. Os seres humanos prosperam vivendo em comunidades. Somos seres sociais e só podemos sobreviver interagindo uns com os outros. Nós devemos ter contacto. Contacto visual. Nós nos entendemos lendo os rostos um do outro e sentimos conforto num sorriso e compaixão numa expressão facial. Mas a máscara dificulta esta interacção entre os humanos. Abraçar é um medicamento essencial. A expressão completa do amor ocorre quando dois corações se aproximam, por meio do abraço, e se escutam, impondo um ritmo que os nossos corações precisam de experimentar diariamente para obter uma saúde óptima. Também, é importante rirmos juntos, pois damos energia uns aos outros. Respirar outras feromonas faz parte de quem somos. Separando-nos pela regra do metro e meio ou dois metros, forçando uma máscara nos nossos rostos, transformando-nos na ideia de vasos humanos contaminados e danificados, roubando muitas das maneiras como nos comunicamos, dicas faciais especificamente, eles transformam-nos em estranhos.
  1. Medo, depressão, raiva, culpa, terror, acusação, mágoa, divisão, pavor, tristeza, angústia, todos estes sentimentos prejudicam a nossa saúde, o nosso sistema imunológico, as nossas glândulas supra-renais, a tiróide e os nossos corações, causando doenças e, eventualmente, uma morte lenta, porque não podemos prosperar isoladamente.
  1. As máscaras constituem o primeiro passo no cumprimento da agenda globalista.
  • Criar distância, acabar com a socialização.
  • Negar valores, anseios e necessidades inerentes.
  • Mudar o rosto do que vemos para imagens sem som, sem boca, sem nariz, como a Inteligência Artificial.

É assim que os globalistas vêem o processo da globalização. Eles, impõe-nos o uso de máscaras, como ‘medidas de segurança’.

Por meio do uso de máscaras, amigos e inimigos tornam-se estranhos. Cria-se uma divisão psicológica nas mentes dos humanos.

Com a obrigatoriedade das máscaras estão a preparar psicologicamente as nossas mentes para receber os próximos estágios/passos.

A propósito, o caminho graças a inércia dos povos está em processo e continuará a se realizar rapidamente daqui para frente.

A Agenda globalista é esta:

  1. Criar uma pandemia de morte baseada no medo.
  2. Insistir no distanciamento social.
  3. Forçar o uso de máscaras.
  4. Instituir leis marciais, como toque de recolher e quarentenas, para afirmar o controle sobre a população e ter a conformidade de todos.
  5. Deter (Separar/prender) as famílias e impedir o reaproximar dos nossos filhos, idosos, deficientes e doentes.
  6. Continuar a promover o medo sobre as massas (povo), usando o controle da comida, da água, do dinheiro, vírus “perigosos”, falta de emprego, quarentenas forçadas e propaganda, a fim de continuar o medo dentro de casa. Pois desta forma, a massa (povo) estará preparada para aceitar um Salvador para os problemas (por eles os globalistas).
  7. Divulgar a ideia de que uma vacina irá salvar a humanidade do vírus (ainda hoje estamos à espera da vacina para curar a gripe normal, a sida), apesar de, na realidade, provocar mais doenças.
  8. Imponha o certificado de vacinação, que comprove que as pessoas foram vacinadas.
  9. Implantar nas pessoas um chip, na forma de tatuagem ou de outro modo, para que possam ser rastreadas em qualquer lugar do planeta. Ele permitirá que elas sejam transformadas em escravas e só receberão benefícios por meio da nova criptomoeda, que irá conectá-las à “rede”.
  10. Aqueles que se tornarem autistas e aqueles que receberem vacinas serão automaticamente controlados, contra a sua vontade.
  11. Aqueles que sobreviverem com saúde a todo este processo serão estupidificados, complacentes, não resistentes às ordens, e os narcisistas e psicopatas que sobreviverem poderão ser controlados por meio de cirurgias.

Veja bem, usar máscaras é apenas o primeiro passo para nos condicionar a aceitar este plano sinistro e cheio de horror.

O pior é que alguns escolherão com alegria seguir este caminho.

Siga e goste de nós:
30
6

1 thought on “O QUE NÃO TE CONTARAM SOBRE A MÁSCARA FACIAL”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *